domingo, 15 de julho de 2012

Festim Diabólico

O mestre do suspense Alfred Hitchcock quando realizou esta obra-prima baseou-se no famoso caso Leopold-Loeb. Ou seja, a história real de um insólito e chocante assassinato ocorrido em 1924 na cidade de Chicago (EUA) onde dois jovens de família judaica de classe média alta - Richard Loeb e Nathan Leopold Jr - mataram o menino Bobby Frank, de 14 anos, pelo simples "estímulo intelectual do crime", como definiu um jornalista na ocasião. Foram salvos da pena de morte pela intervenção de um dos maiores advogados daquela época, Clarence Darrow. Sendo a obra mais experimentalista do mestre do suspense - Festim Diabólico (Hope - 1948), foi o primeiro filme em cores de Hitchcock. O filme examina raízes fascistas num discurso Nietzschiano: dois amigos, Brandon (John Dall) e Phillip (Farley Granger), confinados num apartamento em Nova York e influenciados por uma equivocada interpretação das aulas do Professor Rupert (James Stewart), matam o outro amigo para provar a si mesmos a superioridade de seu intelecto e a sua condição de super-homens, arvorados no suposto direito sobre a vida de seus semelhantes.

O filme é principalmente um exercício de cinema do velho mestre do suspense. São oito tomadas de dez minutos - duração de cada rolo - que fazem esteticamente um único plano-sequência, isto é, 80 minutos aparentemente sem cortes durante os quais os rapazes matam, escondem o cadáver numa arca e celebram sobre ela o tal festim do título. A homossexualidade dos assassinos é sugerida, ficando num patamar subliminar, quase despercebido. Na época não houve nenhum alvoroço em torno do assunto, mas com certeza a reação do público teria sido diferente se Brandon e Phillip fossem bons moços e não uma dupla assassina, depravada e imoral. Para acentuar ainda mais o desprezo pelo resto da humanidade, eles convidam para o banquete os pais e a noiva da vítima e, num último toque de "vaidade de artista", convidam também o professor que teria sido sua inspiração, querendo no fundo a sua aprovação. Mas, afinal, quem descobre a trama é o próprio Rupert, perplexo e chocado com a capacidade de degradação do ser humano. Nota 10


Festim Diabólico (Rope, EUA, 1948) Direção: Alfred Hitchcock / Roteiro: Hume Cronyn adaptado da peça de Patrick Hamilton / Elenco: James Stewart, John Dall, Farley Granger / Sinopse: O filme foi inspirado no chocante assassinato ocorrido em 1924 na cidade de Chicago (EUA) onde dois jovens de família judia de classe média alta - Richard Loeb e Nathan Leopold Jr - mataram o menino Bobby Frank, de 14 anos, pelo simples "estímulo intelectual do crime", como definiu um jornalista na ocasião.

Telmo Vilela Jr.

Um comentário:

  1. Avaliação:
    Direção: ★★★★
    Elenco: ★★★★
    Produção: ★★★
    Roteiro: ★★★★
    Cotação Geral: ★★★★
    Nota Geral: 9.6

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir