terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Lágrimas Amargas

Título no Brasil: Lágrimas Amargas
Título Original: The Star
Ano de Produção: 1952
País: Estados Unidos
Estúdio: 20th Century Fox
Direção: Stuart Heisler
Roteiro: Dale Eunson, Katherine Albert
Elenco: Bette Davis, Sterling Hayden, Natalie Wood, Warner Anderson

Sinopse: Drama com toques autobiográficos o filme "Lágrimas Amargas" narrra a vida de Margie (Bette Davis), uma atriz que foi estrela no passado mas que agora enfrenta muitos problemas em sua vida pessoal e profissional. Os estúdios já não mais a procuram para participar do elenco de seus filmes, os trabalhos que aparecem são indignos e sem dinheiro ela acaba indo morar em um pequeno apartamento muito simples, nada adequado com sua vida de luxo do passado. Para piorar, Margie procura afogar suas decepções com a bebida e acaba indo presa. Sua filha Gretchen (Wood) também não tem como lhe ajudar pois é uma jovem que já tem seus próprios problemas pessoais. De volta à liberdade Margie decide que é hora de mudar sua vida de uma vez por todas.

Comentários:
Bette Davis foi uma das grandes personalidades da história do cinema americano. Ela ousou romper com o chamado Star System e procurou construir uma carreira independente e corajosa. Por ser uma mulher de atitude enfrentou vários problemas, inclusive a falta de convites para fazer mais filmes, talvez por isso esse "Lágrimas Amargas" seja tão essencial para os cinéfilos entenderem quem realmente foi Bette Davis. Ela própria passaria por situações semelhantes em sua vida profissional. Vencedora do Oscar não se importou em publicar nos classificados de um jornal de Los Angeles um anúncio em busca de trabalho. O Oscar que ela venceu inclusive é usado numa das cenas desse filme. Não conheço nenhum outro filme da filmografia de Davis que seja tão simbólico como esse. É praticamente um auto retrato da mulher corajosa e valente que ela foi em vida. Já para os que são fãs da eterna Natalie Wood a produção tem um brinde a mais, sua participação no elenco como a filha de Bette Davis. Segundo consta ela teria sofrido um pequeno acidente nas filmagens que quase lhe causou seu afogamento. Isso criou um trauma que lhe seguiu pelo resto da vida. Tragicamente ela morreria afogada décadas depois após um acidente até hoje mal explicado em um barco, durante suas férias ao lado do marido Robert Wagner. Fica então nossa dica de filme clássico do dia, o edificante "Lágrimas Amargas", não deixe esse passar em branco em sua cultura cinematográfica.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

Um comentário:

  1. Avaliação:
    Direção: ★★★
    Elenco: ★★★
    Produção: ★★★
    Roteiro: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 7.9

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir