segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Marinheiro do Rei

Título no Brasil: Marinheiro do Rei
Título Original: Single-Handed / Sailor of The King
Ano de Produção: 1953
País: Estados Unidos, Inglaterra
Estúdio: Twentieth Century-Fox
Direção: Roy Boulting
Roteiro: Valentine Davies, baseado no livro de C.S. Forester 
Elenco: Jeffrey Hunter, Michael Rennie, Wendy Hiller

Sinopse: Três navios de guerra da marinha real inglesa se encontram no Atlântico Norte protegendo embarcações de carga durante a Segunda Guerra Mundial quando o comandante da esquadra é informado que na região se encontra um importante cruzador alemão. Para destruí-lo ele envia então dois encouraçados de sua frota. O combate travado se revela mais complicado do que se esperava. Mesmo avariado durante a batalha naval o navio alemão consegue destruir um dos navios ingleses. Um dos sobreviventes acaba sendo resgatado pelos alemães, o especialista em comunicações Andrew 'Canada' Brown (Jeffrey Hunter), que agora fará de tudo para sabotar os planos da marinha nazista.

Comentários:
Produção que homenageia a bravura e a coragem dos marinheiros ingleses na Segunda Guerra Mundial. Esses são representados por um homem em especial, Andrew Brown (Jeffrey Hunter), que começa uma série de sabotagens contra um cruzador alemão que após sofrer com a explosão de um torpedo em seu casco precisa se esconder nas famosas ilhas Galápagos (aquelas mesmas em que Darwin realizou suas pesquisas que anos depois daria origem ao seu famoso livro "A Origem das Espécies" de 1851) para reparos. "Marinheiro do Rei" aposta na aventura e em boas cenas de batalha naval. A marinha inglesa contribuiu ativamente com o filme, disponibilizando três navios de guerra de sua esquadra para a produção (um deles assumiu o papel do navio alemão, o Essen, uma alegoria na verdade com o famoso "Bismarck" que foi afundado pelos ingleses no mesmo conflito). O personagem de Jeffrey Hunter acaba virando uma espécie de "exército de um homem só" o que traz muita ação e movimentação para o filme.

O curioso é que o enredo começa quase como um romance, quando o oficial britânico interpretado por Michael Rennie (o mesmo ator de "O Dia Em Que a Terra Parou") conhece e se enamora por uma linda garota em uma viagem de trem. Eles se apaixonam e tencionam se casar mas o estouro da guerra o faz se afastar dela, nunca mais a encontrando novamente. Ele depois exerceria a função de comandante da frota de navios britânicos que entra em batalha com o navio alemão - que é na verdade a linha narrativa principal do roteiro. Essa parte inicial poderia ser cortada sem nenhum problema mas os roteiristas certamente a usaram para trazer alguma profundidade psicológica aos personagens. De qualquer maneira o que vale mesmo são as cenas de guerra - todas muito bem realizadas. Fica assim a dica dessa boa produção que procura resgatar o valor dos marinheiros ingleses durante a maior guerra que o mundo já viu.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

Um comentário:

  1. Avaliação:
    Direção: ★★★
    Elenco: ★★★
    Produção: ★★★
    Roteiro: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 7.2

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir