terça-feira, 4 de março de 2014

Os Esquecidos

Título no Brasil: Os Esquecidos
Título Original: Los Olvidados
Ano de Produção: 1950
País: México
Estúdio: Ultramar Films
Direção: Luis Buñuel
Roteiro: Luis Alcoriza, Luis Buñuel,
Elenco: Alfonso Mejía, Javier Amezcua, Roberto Cobo, Victorio Blanco, Estela Inda.

Sinopse:
Um grupo de garotos de rua vivem da marginalidade numa Cidade do México miserável e super povoada. Para sobreviver à crueldade que impera nos becos e vielas o líder do bando, El Jaibo (Roberto Cobo), não se importa em cometer roubos e outros crimes. A situação realmente sai do controle quando durante uma briga ele espanca um rapaz até a morte. Pedro (Alfonso Mejía), um dos membros delinquentes de seu grupo, acaba tendo uma crise de consciência com tudo o que acontece o que o fará enfrentar El Jaibo mais cedo ou mais tarde pelos destinos e rumos de todos aqueles jovens.

Comentários:
O cinema pode ser também um belo instrumento de denúncia dos males sociais. Que o diga o genial Luis Buñuel nesse Los Olvidados, considerada uma de suas maiores obras primas. Em seu lançamento o filme chocou pois não mostrou crianças e jovens idealizados (como era comum no cinema americano, por exemplo) mas sim garotos endurecidos por uma realidade brutal e sem salvação. Vivendo numa verdadeira lei da selva das ruas o diretor mostra de uma forma muito inteligente os instintos mais básicos e viscerais do ser humano. Nada de bobagens, apenas a realidade nua e crua. Um filme que na verdade é um estudo humanista das misérias do terceiro mundo. O retrato de Buñuel não está muito distante das nossas ruas na atualidade por isso não consigo entender quando vejo um espectador brasileiro ficando chocado com esse filme. Será que essa pessoa nunca olhou pela janela de seu carro para a miséria que assola o Brasil também? De qualquer forma o prêmio de melhor diretor no Festival de Cannes em 1951 dado a Luis Buñuel foi mais do que merecido já que a direção que ele desenvolveu aqui realmente é fantástica! Uma obra excepcional. Coisa de gênio.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

 

Um comentário:

  1. Avaliação:
    Direção: ★★★
    Elenco: ★★★
    Produção: ★★★
    Roteiro: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 8.0

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir