quarta-feira, 28 de maio de 2014

Causa Perdida

Título no Brasil: Causa Perdida
Título Original: Che!
Ano de Produção: 1969
País: Estados Unidos
Estúdio: Twentieth Century Fox
Direção: Richard Fleischer
Roteiro: Sy Bartlett, David Karp
Elenco: Omar Sharif, Jack Palance, Cesare Danova

Sinopse:
Cinebiografia do médico e líder da revolução cubana Ernesto Guevara de la Serna ou como ficou conhecido na história, Che Guevara (1928 - 1967). Fazendo parte de um grupo de guerrilheiros entrincheirados na Sierra Madre, sob comando de Fidel Castro (Jack Palance), o jovem médico Che (Omar Sharif) acaba se destacando como figura de proa entre os rebeldes revolucionários. Mesmo sofrendo de asma e com diversos problemas de saúde, consegue ganhar a confiança de seus homens e do líder Fidel Castro. Filme baseado em fatos reais.

Comentários:
Interessante filme realizado no final dos anos 1960 mostrando as partes mais relevantes da vida do revolucionário argentino Che Guevara. Inicialmente o roteiro o mostra como um simples médico que segue o exército rebelde liderado por Fidel Castro (aqui sendo interpretado por um caricato Jack Palance, que não pára de morder seu charuto o tempo todo). Por uma dessas ironias do destino porém Fidel acaba simpatizando com o jovem Che e lhe dá o comando de algumas colunas de suas tropas. Após a vitória da revolução cubana logo começam os atritos entre os dois líderes. Che era visceral, radical e desejava expandir a revolução comunista para todos os países da América Latina. Fidel Castro, por sua vez, era muito mais pragmático e desejava apenas criar uma nova Cuba. Com a entrada dos russos na ilha e a clara antipatia entre Che e os soviéticos (a quem acusava de serem imperialistas tais como os americanos, que odiava) acaba se consolidando seu rompimento definitivo com o regime de Cuba.

Muito idealista, resolve levar a revolução comunista para outros países, mas encontra seu fim na desastrosa tentativa de começar um levante socialista na Bolívia. O retrato que o filme faz de Che fica claro. Ele é mostrado como um idealista radical, um homem que passava por cima de suas próprias convicções pessoais para levar adiante uma revolução que só existia mesmo dentro de sua cabeça. Além das execuções sumárias que promoveu - mandando matar milhares de prisioneiros políticos em Cuba, sem julgamento e de forma fria - ainda promoveu uma série de saques e invasões brutais em pequenas comunidades da Bolívia por onde passou. Pensando que o povo o iria seguir cegamente, só encontrou indiferença e medo. Sem voluntários para suas fileiras começou a barbarizar com os pobres da região, muitas vezes apelando para ameaças e muita violência. Morreu derrotado, sem glórias, após uma emboscada. Um retrato muito bem realizado de um homem que, no final das contas, só existe dentro da ideologia fora de realidade de alguns poucos comunistas verdadeiros que ainda restam ao redor do mundo.

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

Um comentário:

  1. Avaliação:
    Direção: ★★★
    Elenco: ★★★
    Produção: ★★★
    Roteiro: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 7.2

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir