quarta-feira, 7 de maio de 2014

Tarzan e os Selvagens

Título no Brasil: Tarzan e os Selvagens
Título Original: Tarzan's Hidden Jungle
Ano de Produção: 1955
País: Estados Unidos
Estúdio: RKO Radio Pictures
Direção: Harold D. Schuster
Roteiro: William Lively, baseado na obra de Edgar Rice Burroughs
Elenco: Gordon Scott, Vera Miles, Peter van Eyck

Sinopse:
Caçadores inescrupulosos avançam rumo em direção ao reino de Sukulu, uma terra com rica fauna e flora. Eles desejam aprisionar animais raros para vendê-los no mercado europeu por uma enorme quantia. Se fazendo passar por meros fotógrafos da vida selvagem eles acabam se tornando próximos do chefe Sukulu. Contando com seu apoio começam a contrabandear animais selvagens rio abaixo. O plano porém logo é descoberto por Tarzan que fará de tudo para que termine de uma vez por todas esse tráfico de animais silvestres.

Comentários:
Primeiro filme de Tarzan com o ator Gordon Scott interpretando o personagem. Scott deu vida a um Tarzan mais civilizado do que o que o público estava acostumado com Johnny Weissmuller. Na época a crítica brincou dizendo que era um "Tarzan com brilhantina". De positivo tínhamos por outro lado um Tarzan mais forte e robusto (mais de acordo com a descrição dos livros e história em quadrinhos) e aventuras mais movimentadas, com muitas cenas de ação e perigo. Assim como aconteceu com James Bond, Tarzan foi interpretado por vários atores ao longo dos anos e cada um deles trouxe alguma peculiaridade ao famoso personagem. Os filmes com Gordon Scott sempre foram considerados mais pop, com mais sabor de aventura e matinê, o que não é um defeito em si mas sim uma característica dessas produções. De uma forma ou outra ele acabou agradando e deu certo, a tal ponto que realizou vários outros filmes na pele do homem das selvas. Para se ter uma ideia apenas dois anos depois ele retornaria com "Tarzan e a Expedição Perdida", considerado por muitos como um dos melhores da franquia. Essa porém é uma outra história que contaremos depois, até lá!

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

Um comentário:

  1. Avaliação:
    Direção: ★★★
    Elenco: ★★★
    Produção: ★★★
    Roteiro: ★★★
    Cotação Geral: ★★★
    Nota Geral: 7.2

    Cotações:
    ★★★★★ Excelente
    ★★★★ Muito Bom
    ★★★ Bom
    ★★ Regular
    ★ Ruim

    ResponderExcluir