quinta-feira, 5 de junho de 2014

10 Curiosidades sobre John Wayne Que Você Deveria Saber...

John Wayne foi um dos maiores mitos da história do cinema americano. No total realizou 162 filmes. De acordo com uma nova biografia escrita pelo autor Scott Eyman, Wayne também tinha várias outras habilidades além de matar bandidos e apaches em filmes de faroeste. Confira algumas curiosidades sobre o ator:

1. John Wayne adorava jogar xadrez
Wayne adorava jogar xadrez e após muitos anos se tornou um bom jogador. Quando estava à toa nos sets de filmagens esperando sua vez de entrar em cena, ele sempre levava seu tabuleiro de xadrez para jogar com outros atores, membros da equipe técnica, diretores ou quem quer que estivesse por perto. Certa vez fez o veterano cineasta Josef von Sternberg ficar furioso ao perder 400 dólares em uma aposta numa partida contra ele! Sobre o ator Rock Hudson chegou a declarar, brincando: "O que importa se ele é gay? Ele joga xadrez muito bem!". Já o ator Robert Mitchum confessou certa vez que Wayne, que tinha mãos enormes, às vezes trapaceava quando seu oponente ficava distraído!

2. John Wayne amava literatura
Embora posasse na tela como um cowboy durão - e muitas vezes iletrado, o ator John Wayne era bem diferente de seus personagens pois adorava ler livros. Seu autor preferido era Arthur Conan Doyle e sua autora, Agatha Christie. Wayne tinha dois livros de cabeceira, "A Companhia Branca" (1891) e "Sir Nigel" (1906). Era particularmente admirador de Charles Dickens e sempre se interessava por obras que enfocassem a Guerra dos Cem anos.

3. Wayne não gostava de seu nome de batismo
Wayne nasceu Marion Robert Morrison (em 26 de maio de 1907). Ainda jovem ganhou o apelido de Duke, por causa do cachorrinho de estimação da família que se chamava Big Duke. Seus amigos o chamavam de Little Duke e depois, com o tempo, ficou apenas Duke. Ele não se importava de ser chamado de Duke mas... Marion não era de seu agrado pois era um nome dúbio, que quase sempre era confundido com o nome de uma mulher. Mesmo assim Wayne não repelia com raiva quem lhe chamava por Marion, apenas dizia que preferia ser chamado de John, Wayne ou Duke mesmo.

4. John Wayne e John Ford estavam sempre brigando!
John Ford foi um dos maiores gênios do cinema americano mas também era um sujeito durão. Vencedor de vários prêmios apostou naquele ator grandão e meio fora de forma, John Wayne, para estrelar algumas de suas maiores obras cinematográficas. Juntos realizaram vários filmes mas a amizade parecia ser fundada numa amigável eterna provocação entre ambos. Ford estava sempre desafiando Wayne a dar o melhor de si. Certa vez estourou com ele bem em frente à equipe dizendo: "Você não sabe nem andar direito?! Pelo amor de Deus... É tão desajeitado como um hipopótamo! E o que diabos está dizendo quando abre a boca? Tem um ovo cozido dentro dela?". Wayne, muito espirituoso, sempre dava risadas de Ford nessas ocasiões. Era aquele tipo de amizade tão sincera que dava margem a esse tipo de provocação destemperada!

5. John Wayne quase se tornou um jornalista esportivo!
John Wayne nasceu no Iowa e foi estudar no Glendale Union High School, na Califórnia, onde se tornou um jogador de futebol americano muito promissor. Além de jogar bem ele também se mostrou um aluno academicamente esforçado. Procurava tirar boas notas e logo entrou na  equipe de debate do ensino médio. Não demorou muito e entrou no jornal escolar como redator - e se saiu muito bem cobrindo os jogos da equipe esportiva local. Foi justamente nessa época que Wayne pensou em se tornar jornalista, especializado na área esportiva, um sonho que nutriu por muitos anos. Era fã de esportes e nunca deixou de acompanhar os campeonatos nacionais de futebol americano, mesmo quando estava distante filmando algum western no meio do deserto.

6. John Wayne era um conservador na política
Politicamente o ator nunca escondeu suas preferências. Era conservador e membro do Partido Republicano. Isso porém não o impediu de ser grande amigo de atores liberais como Paul Newman, com quem sempre estava implicando. Já com Jane Fonda a coisa foi mais séria. Após a atriz defender a saída dos Estados Unidos do Vietnã, Wayne lhe passou um sermão publicamente dizendo que ela não era uma boa americana e nem patriótica. O pior aconteceu quando Fonda declarou que esperava que os americanos perdessem a guerra. John Wayne ficou furioso e foi aos jornais para xingá-la de "traidora comunista". Pois é, o velho Duke não estava para brincadeiras.

7. John Wayne era um homem profundamente supersticioso
Ele tinha várias manias. Queria ver o Duke sair do sério? Deixasse seu chapéu sob sua cama! Isso era imperdoável, pois para Wayne isso trazia uma tremenda má sorte - além de indiretamente significar a próprio morte do dono do chapéu! Essa era uma velha superstição mexicana que Wayne levava muito a sério! Também evitava sapatos de camurça azul, que em sua opinião lhe traziam presságios ruins. Se visse um ator em algum de seus filmes usando um sapato desses pedia que ele gentilmente fosse até o camarim para trocá-los.

8. John Wayne era um fumante inveterado!
Wayne fumava cinco maços de cigarro ao dia. Ele própria se assumia e falava que era um fumante inveterado. Chegou inclusive a fazer comerciais de cigarro na TV americana. Seu tabagismo seria sua ruína quando anos depois foi diagnosticado com um câncer no pulmão esquerdo. Um duro golpe no veterano cowboy que o levaria à morte em 1979.

9. John Wayne era um sujeito espirituoso
Apesar de sua fama de durão do velho oeste o ator era uma pessoa muito simpática no trato social. Gostava de uma boa prosa e estava sempre contando piadas aos amigos mais próximos. Quando foi premiado com o Oscar de melhor ator depois de muitos anos trabalhando em Hollywood resolveu brincar dizendo que aquele prêmio era acima de tudo fruto de uma  maravilhosa "sorte de principiante"!

10. John Wayne era bom de copo!
O ator bebeu bastante durante toda a sua vida. Ao longo dos anos acabou criando uma resistência muito forte à bebida, a ponto de sempre ficar sóbrio enquanto seus companheiros de mesa caíam de bêbados ao redor. Wayne era admirador de um bom whisky que na sua opinião deveria ser servido na temperatura natural, sem nada de gelo! Para ele um homem de verdade nunca colocava gelo em sua bebida pois isso era coisa de maricas! Mesmo quando estava filmando no deserto Wayne sempre tinha uma garrafa do mais puro whisky escocês por perto para aguentar a dureza da região. No final do dia, após as filmagens, todos iam beber no bar local, por mais precário e desarrumado que fosse! Em Hollywood dizia-se que Wayne era o único ator paréo para derrubar Richard Burton (outro famoso beberrão) em uma mesa de bar. Quando se juntavam para beber o dia todo Burton geralmente terminava o dia caindo pelo chão, enquanto Wayne ainda se mostrava firme o suficiente para um partida de dardos! O Duke era duro na queda mesmo!

Pablo Aluísio e Júlio Abreu.

Um comentário:

  1. Cinema Clássico
    10 Coisas Curiosidades sobre John Wayne Que Você Deveria Saber...

    ResponderExcluir