sexta-feira, 6 de junho de 2014

E Assim Nasceu Marilyn Monroe...

Norma Jean era apenas uma modelo sempre em busca de um novo trabalho quando um de seus ensaios numa revista foi parar nas mãos do milionário excêntrico Howard Hughes. Conhecido por suas várias conquistas amorosas, sempre cercado de starlets ele viu algo mais naquela garota. Imediatamente telefonou para o diretor de elenco da Fox e sugeriu que ela fosse contratada. Esse fato deu nascimento a um boato que circulou muitos anos em Hollywood, a de que Marilyn tinha sido mais uma das garotas que circulavam ao redor do Hughes, sempre com uma beldade a tiracolo.

O fato porém é que tudo não passou de um boato pois Marilyn sequer conhecia Hughes e coisas que aconteceram depois parecem confirmar isso. De qualquer maneira Marilyn vibrou ao receber o telefonema do estúdio pois ela vinha em uma situação muito precária, sempre sendo despejada dos pequenos apartamentos em que morava por falta de pagamento do aluguel. Norma Jean nem sempre tinha trabalho e passou por situações de extrema pobreza, por isso aquele contato poderia significar a sua salvação.

Depois de um teste de câmera ela finalmente foi contratada a 75 dólares por semana. A quantia hoje pode parecer irrisória mas na época foi o que salvou literalmente o pescoço da jovem modelo. Antes de colocar Norma em algum filme era necessário escolher um nome artístico para ela. Norma Jean estava fora de cogitação pois soava como algo caipira, lá das brenhas do sul. Assim o diretor de elenco da Fox saiu atrás de algum nome mais sugestivo. Inicialmente escolheu Carolyn Lind, a junção do nome de duas outras atrizes, uma delas falecida, a saudosa Carolyn Lombard. Norma não gostou muito daquilo, além disso logo todos concordaram que não estava soando muito bem.

Assim se procurou por algo melhor e alguém sugeriu Marilyn (um nome sonoro que se parecia até com Carolyn). E o sobrenome? Esse foi escolhido pela própria Norma que lembrou-se do sobrenome de sua avó, Monroe! Parecia perfeito já que os dois Ms poderiam lhe trazer sorte. Assim Norma Jean virou Marilyn Monroe, um dos maiores mitos sexuais da história de Hollywood. No departamento de maquiagem e figurino o visual de Marilyn não causou nenhum impacto. Seus cabelos castanhos encaracolados foram considerados pouco sofisticados. Foi assim que ela também virou uma loira de arrasar. O mito Marilyn Monroe estava nascendo...

Pablo Aluísio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário