quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Histórias de Rock Hudson - Parte 5

Mesmo doente e diagnosticado com o vírus da AIDS, Rock Hudson se recusou a parar de trabalhar. O trabalho como ator era a base de sua vida e ele simplesmente não poderia deixar de atuar. Sua carreira no cinema havia entrado em um impasse e por essa razão Rock começou a trabalhar na TV, em séries de sucesso. Em 1984 ele recebeu o convite para aparecer na série de grande sucesso de audiência "Dinastia". Rock iria interpretar um personagem que aparecia em apenas cinco episódios, mas pelo sucesso do programa essa era uma ótima oportunidade.

Os roteiros eram entregues com poucos dias antes das filmagens, por isso Rock não sabia exatamente o que faria na série. Quando o estúdio enviou o roteiro do quinto episódio Rock se viu diante de uma situação delicada. Havia uma cena em que ele beijaria a atriz Linda Evans. Naquele momento ninguém sabia ao certo se a AIDS podia ser transmitida por um beijo, por isso Rock ficou apreensivo. Ao ligar para seu médico em Paris esse lhe esclareceu que o vírus da AIDS havia sido detectado na saliva humana, mas as pesquisas ainda não tinham chegado em uma conclusão definitiva se o beijo poderia transmitir a doença.

Rock ficou sem saber o que fazer. Se dissesse a verdade para a emissora certamente seria demitido. A imprensa com a notícia faria a festa em torno de seu nome e sua carreira estaria acabada. Se Rock pedisse que a cena fosse modificada ele despertaria suspeitas. O que fazer? Rock ficou uma semana em crise de consciência até que avisou ao seu secretário particular que faria a cena, beijaria a atriz, mas de boca fechada para evitar qualquer perigo de contágio. E assim a cena foi feita. Rock que sempre fora um ator conhecido por ter um ótimo beijo técnico acabou ficando completamente travado na hora de gravar. Apesar de tudo cumpriu sua promessa e beijou Linda Evans de boca fechada, dando um selinho inofensivo nela.

Isso porém não fez com que os boatos sobre sua saúde sumissem. Pelo contrário, eles só aumentaram. Durante as filmagens de "Dinastia" Rock deixou transparecer seus problemas de saúde. Ele começou a perder peso em um ritmo assustador. Também não conseguia fazer as refeições ao lado do resto do elenco pois tinha graves crises depois se comesse muito. Passou a parecer exausto em todas as situações. Pior do que isso, Rock começou perder sua capacidade de decorar seus textos, algo vital na profissão de qualquer ator. O diretor de "Dinastia" percebeu que algo estava errado e passou a distribuir pequenos cartões com os diálogos de Rock pelo cenário. Isso causava um embaraço para o ator que foi percebendo que sua capacidade de trabalhar estava chegando ao fim. Ao fim de nove episódios a emissora então resolveu encerrar o contrato com Rock. Esse seria seu último trabalho na carreira. Uma semana depois, muito mal, Rock resolveu voltar para Paris para uma nova rodada do tratamento experimental. Ao amigo Mark confidenciou: "Eu estou com a peste! É isso, estou com a peste! Eu vou morrer!"

Pablo Aluísio.

Um comentário:

  1. Cinema Clássico - Pablo Aluísio
    Histórias de Rock Hudson - Parte 5
    Todos os direitos reservados.

    ResponderExcluir